top of page

A importância da logística integrada nas cadeias de suprimentos modernas


O conceito de logística integrada ganhou o setor nos últimos anos e elevou o nível das operações em todo o mundo. No atual ambiente de negócios acelerado, o gerenciamento da cadeia de suprimentos, ou Supply Chain Management (SCM), é mais importante do que nunca. As empresas devem ser capazes de gerenciar com eficiência e eficácia o fluxo de mercadorias e informações dos fornecedores para os clientes, a fim de se manterem competitivas.

Esse sistema logístico, que envolve a coordenação de todos os processos logísticos, desde a aquisição de matérias-primas até a entrega do produto final, é fundamental para o pleno funcionamento desse tipo de operação e é através dela que as empresas irão se manter relevantes para o mercado.

O que é logística integrada?

É um método para gerenciar o fluxo de mercadorias e informações em uma cadeia de suprimentos. Envolve a coordenação eficiente de processos como transporte, armazenamento, gerenciamento de estoque e atendimento de pedidos que otimizam o fluxo de mercadorias, reduzindo custos e melhorando a satisfação do cliente.

Ela pode ser aplicada para empresas de todos os portes, beneficiando diferentes organizações, de diferentes setores e, embora a logística integrada exija um investimento inicial mais alto com sistemas e equipamentos, a longo prazo, comprovadamente, os benefícios trazidos para as empresas superam os custos iniciais e ajudam na diminuição de gastos.

Os principais benefícios da metodologia

Existem vários benefícios na implementação da logística integrada, listamos abaixo os principais:

  • Maior Eficiência: permite uma melhor coordenação dos processos, reduzindo a duplicação de esforços e minimizando o tempo e os recursos necessários para mover mercadorias de um ponto a outro.

  • Redução de custos: ao otimizar os processos, ela reduz os custos associados ao transporte, armazenamento e gerenciamento de estoque, resultando em economia de custos significativos para as empresas.

  • Maior satisfação do cliente: ajuda a garantir que os produtos sejam entregues aos clientes no prazo e em boas condições. Isso aumenta a satisfação e a fidelidade do cliente, levando não só a sua fidelização, mas também se tornando uma referência positiva para outras empresas.

  • Melhor visibilidade da cadeia de suprimentos: fornece às empresas visibilidade em tempo real de sua cadeia de suprimentos, permitindo que rastreiem a movimentação de mercadorias, identifiquem possíveis gargalos e respondam rapidamente a mudanças na demanda ou no suprimento.

  • Colaboração aprimorada: essa metodologia requer colaboração próxima entre fornecedores, transportadores e outros parceiros na cadeia de suprimentos. Isso ajuda a promover relacionamentos mais fortes e levar a uma solução de problemas e tomada de decisão mais eficazes.

O papel da tecnologia nesse modelo de negócio

A tecnologia desempenha um papel crucial na viabilização deste modelo logístico na era digital. Algumas tecnologias-chave que as empresas podem usar para apoiar a logística integrada incluem:

  • Sistemas de gerenciamento de transporte (TMS): o software TMS pode ajudar as empresas a otimizar as rotas de transporte, reduzir os custos de remessa e melhorar os prazos de entrega.

  • Warehouse Management Systems (WMS): o software WMS pode ajudar as empresas a gerenciar os níveis de estoque, rastrear remessas e melhorar o armazenamento.

Equipamentos da Linha OneShip da Pitney Bowes como a Dinâmica Standard e a Dinâmica Premium já oferecem integração com sistemas ERP, WMS e TMS via Web Service. O sistema Sorter ainda pode ser adicionado à Dinâmica Premium, garantindo ainda mais integração em todo o sistema logístico com um sistema de roteirização e classificação.

Implementação de operações logísticas integradas nas empresas

A implementação da logística integrada em uma cadeia de suprimentos requer planejamento e execução estratégicos, envolvendo diferentes etapas que podem tornar essa transição mais bem sucedida e eliminar a complexidade dos processos.

  • Realize uma avaliação da operação: O primeiro passo na implementação é realizar uma avaliação completa da cadeia de suprimentos atual. Isso pode ajudar a identificar áreas de ineficiência, duplicação de esforços e outras oportunidades de melhoria.

  • Desenvolva uma estratégia: com base na avaliação, as empresas devem desenvolver uma estratégia de implementação. Isso deve incluir metas específicas, cronogramas e métricas de desempenho com base na otimização de investimentos e melhora da produtividade.

  • Invista em tecnologia: esse modelo logístico requer o uso de tecnologia avançada, como sistemas de gerenciamento de transporte e equipamentos que ofereçam automação no processamento das encomendas).

  • Promova a colaboração: a logística integrada requer uma estreita colaboração entre fornecedores, transportadores e outros parceiros na cadeia de suprimentos. As empresas devem promover a colaboração estabelecendo canais de comunicação regulares, compartilhando dados e trabalhando juntos para resolver problemas.

  • Monitore o desempenho: para garantir a entrega dos benefícios desejados, as empresas devem monitorar o desempenho usando indicadores-chave de desempenho (KPIs), como entrega pontual, rotatividade de estoque e precisão do pedido.

Otimização de processos logísticos para alcançar a eficiência máxima

Os processos logísticos desempenham um papel vital no sucesso de qualquer organização e por isso, devem ser sempre otimizados. Do transporte, passando pelo armazenamento até o atendimento de pedidos, tudo deve ser pensado para garantir a máxima eficiência, lucratividade e satisfação do cliente.

E para começar a migrar o seu setor logístico tradicional para o integrado e investir em processos automatizados e centralizados, separamos abaixo 3 dicas de como começar a otimizar a sua operação.

Defina a meta de otimização

O primeiro passo para otimizar os processos logísticos é definir sua meta de otimização. Ela deve ser baseada em seus objetivos de negócios, como reduzir custos, melhorar os prazos de entrega ou aumentar a satisfação do cliente. Após definir seu objetivo, você pode começar a identificar os processos que precisam ser otimizados para alcançá-lo. Essa meta deve ser específica, mensurável, alcançável, relevante e com prazo definido (SMART). Por exemplo, a meta de otimização pode ser reduzir os custos de transporte em 20% em seis meses.

Estude os dados atuais de desempenho logístico

Para identificar áreas de otimização, você deve primeiro estudar os dados atuais de desempenho logístico. Esses dados podem incluir informações sobre o tempo de transporte e quantidade de frota necessária, cubagem dos objetos, níveis de estoque, precisão do pedido e muito mais. Ao analisar esses dados, você pode identificar áreas onde melhorias podem ser feitas para atingir sua meta de otimização.

Compreenda as lacunas nos processos logísticos da sua empresa

Após identificar as áreas para otimização e definir as metas, é hora de entender as lacunas em seus processos logísticos. Essas lacunas podem incluir rotas de transporte ineficientes, estoque com excesso ou falta de estoque e excesso de equipes alocadas para executarem determinado processo. Ao entender essas lacunas, você pode desenvolver estratégias para resolvê-las e melhorar seu desempenho logístico geral.

Como a Pitney Bowes pode ajudar a sua empresa a implantar a logística integrada?

Como você pôde ver, a otimização dos processos logísticos é essencial para alcançar a máxima eficiência e rentabilidade em diferentes tipos de operações. Entenda como:

  • Linha de equipamentos de cubagem precisos, com leitura semiautomática e automática.

  • Linha de equipamentos com sistema de sorter, que realizam de forma automática a classificação e definição de rotas para diversas aplicações.

Todos os equipamentos possuem certificação do Inmetro, são seguros, flexíveis e possuem qualidade e eficiência garantida.

A Pitney Bowes (NYSE: PBI) é uma empresa global de entrega de soluções para documentos e encomendas, que fornece tecnologia, logística e serviços financeiros para mais de 90 por cento das empresas Fortune 500. Pequenos negócios, varejo, empresas e clientes governamentais em todo o mundo, confiam na Pitney Bowes para remover a complexidade do envio de documentos e pacotes. Para obter informações adicionais, visite o site da Pitney Bowes www.pitneybowes.com/br


Comments


bottom of page